2.3.11

Post flash - Oriente Médio

Sim, nós podemos!

Estas foram as sabias palavras do atual presidente dos EUA como tema base na sua corrida a presidência. Famosos e populares se mobilizaram com o que seria um feito histórico, o primeiro presidente negro. Essa foi uma conquista importante para a diminuição do preconceito no mundo, porém um alto grito de uma revolução há décadas  sendo desejada por muitos. Pelo jeito estão aderindo a isso em questões de preconceitos e liberdade, sim, liberdade.

Atualmente o Oriente médio levantou uma serie de protestos contra seus governantes, dois deles já caíram, Tunísia e Egito. Ainda não é o bastante, pois o que se propõem pelos seus habitantes é a necessidade de liberdade e democracia, a quebra das ditaduras no mundo árabe. Existem muitas indagações que estes protestos foram influenciados pelos EUA, em busca das fortalezas petrolíferas naquela região e outras indicando a Al Qaeda como mentora das manifestações;  especulações estas, propriamente injustas. Análise esses dados:

Líbia: Muammar Gaddafi, na presidência do país há 42 anos mantendo a Ditadura
Bahrein: governado pelo rei Hamad Bin Isa Al Khalifa, desde 1999, a 11 anos no poder.
Iêmen: governo de Ali Abdullah Saleh, no poder desde 1978
Argélia: presidente Abdelaziz Bouteflika, que ocupa o cargo desde 1999
Jordânia: rei Abdullah, no posto desde 1999
Omã: no qual o sultão Al Said reina desde 1970

Fica bem claro que esses  DITADORES não começaram ontem no poder nesses respectivos países, o povo luta por melhorias que há tempos não existiram, uma hora ou  outra isso ia acabar acontecendo, na matéria anterior citamos do avanço da tecnologia, a era das redes sociais, um contribuinte favorável a essas manifestações compreendida e apoiada por muitos.


Aedição

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se é Arte, é Categóricos!