25.10.11

Conversa Nutricional

por Tassia Diniz

Os Legumes


     Semana passada falei sobre as hortaliças, seguindo em um conceito natural hoje abordadei sobre os Legumes. O termo “legume” significa geralmente as partes comestíveis das plantas, sendo contudo esta definição tradicional e não científica.No geral, os legumes são considerados pelos cozinheiros como adequados para integrarem pratos salgados, em vez de pratos doces, embora existam exceções, como é o caso da abóbora.

     Alguns legumes podem ser consumidos crus, como a cenoura, enquanto que outros, como a batata, são tradicionalmente consumidos cozidos. Podem ser consumidos em uma grande variedade de formas, como parte de refeições principais, aperitivos ou em forma de sumo.

     O conteúdo nutricional dos legumes varia consideravelmente, embora contenham geralmente uma pequena percentagem de proteínas e de gorduras, e uma percentagem elevada de vitaminas, dietéticos minerais, fibras. Muitos dos legumes contêm também fotoquímicos, compostos fundamentais para a saúde do organismo com características antioxidantes, anti bacterianas, anti fúngicas, anti virais e anti cancerígenas.

     Em nutrição o consumo de legumes integra a dieta básica necessária ao indivíduo, junto às frutas e verduras. O consumo médio de legumes recomendado pela

- Beringela: Possui também uma boa quantidade de sais minerais, tais como, potássio, cálcio, ferro cobre e magnésio. É pouco calórica, sendo que cada 100 gramas possui apenas 20 calorias. Estudos recentes apontam que a berinjela é um ótimo alimento, cujo consumo ajuda a reduzir o colesterol. Possui também propriedades laxantes e digestivas.

- Cenoura: Não é um alimento muito calórico, pois cada 100 gramas de cenoura possui apenas 40 calorias. Além disso, é importante para a pele e as mucosas.

- Chuchu: apesar de ter um sabor fraco, este alimento é rico em fibras. Seu consumo não deve ocorrer em sua forma crua, é indicado que seja cozido ou refogado.

- Quiabo: Cada 100 gramas de quiabo possui, aproximadamente, 35 calorias. Portanto, é um alimento de baixo nível calórico.

 - Repolho: É um alimento rico em fibras, porém seu consumo pode causar flatulências e, em algumas pessoas, dores abdominais. Existem cinco tipos de repolho: roxo, liso, crespo, chinês e o repolho-de-bruxelas. Contém poucas calorias apenas 18 por 100 gramas. É consumido cru ou refogado.
Organização Mundial da Saúde é de 250 g/dia.

Tipo de Legumes:
 
- Abobrinha: É um alimento que apresenta poucas calorias. Apenas 19 calorias por 100 gramas. É de fácil digestão, o que facilita o trabalho do aparelho digestório.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se é Arte, é Categóricos!