19.1.12

UPMUSIC

por Renata Luiz

SHOWS: QUE VENHA 2012


     Já estamos em 2012. E, quando o assunto é show de rock, as previsões continuam sendo das mais favoráveis para o Brasil, mantendo um cenário que foi visto em 2010 e ampliado em 2011. A despeito de a cena roqueira nacional continuar fraca em revelações de qualidade, resta ao fã do gênero musical se deliciar com a imensa quantidade de atrações que passam pelo País desde que ele foi descoberto tardiamente como destino lucrativo pelas bandas, astros de rock e organizadores de festivais.

    2011 foi, sem a menor dúvida, o ano em que mais atrações internacionais se apresentaram no Brasil. De Paul McCartney a Eric Clapton. De U2 a Ozzy Osbourne. De Slash a Slayer, além de festivais com grandes nomes, como o Rock in Rio e o SWU, tudo ajudou os fãs a se esbaldarem com momentos que dificilmente serão esquecidos.




     Para 2012 já existem nomes confirmados, além de festivais de peso, como os inéditos Lollapalooza eMetal Open Air e o já tradicional SWU. De Roger Waters a Anthrax. De Misfits a Exodus. Tudo caminha para a manutenção do que se viu nos anos anteriores.


    Também não custa sonhar com apresentações históricas do Black Sabbath, dos Beach Boys e do Van Halen por aqui. No passado, a vinda destes grupos ao Brasil poderia ser algo impensável, mas, com a crise na Europa e com a economia dos EUA patinando, a palavra “impossível” está descartada.


   Resta pedir aos organizadores de shows no Brasil para eles maneirarem nos preços dos ingressos. Os primeiros anúncios de 2012 já trazem valores mais salgados que muitos dos praticados em 2011.

   Outra boa ideia seria abolir, de vez, a odiada Pista Vip. O Rock in Rio, o SWU e o show do Pearl Jam foram grandes exemplos de que grandes eventos podem ser feitos sem este local que só serve para esfriar o público e privilegiar os mais abastados.


Tudo indica que esse ano vai ser de muita musica boa e o A.V.M não vai te deixar fora das melhores dicas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se é Arte, é Categóricos!