29.3.12

UPMUSIC

Por Rodrigo Magno



UM DIA DE OZZY OSBOURNE NA VIDA DE ROB HALFORD



O dia 26 de agosto de 2004 foi um momento único do Heavy Metal bem, talvez só para alguns. Ozzy Osbourne foi forçado a cancelar sua performance com o BLACK SABBATH no Ozzfest em Camden, New Jersey, devido a um ataque de bronquite. Sharon Osbourne pediu para o frontman do JUDAS PRIEST Rob Halford substituir Ozzy, um trabalho que ele já havia feito anteriormente no ultimo show da turnê "No More Tears" de Ozzy em novembro de 1992, em Costa Mesa na Califórnia, depois que Ronnie James Dio (o vocalista do Sabbath na ocasião), se recusou a abrir para Ozzy.

O set list do BLACK SABBATH com Halford nos vocais no show do Ozzfest em Camden teve as seguintes musicas:'War Pigs','N.I.B.','Fairies Wear Boots','Into The Void','Black Sabbath','Iron Man','Children Of The Grave' e'Paranoid' (com a intro de'Sabbath Bloody Sabbath').

Halford falou em 2007 com o site BW&BK sobre o ocorrido, que não foi tão bem-recebido pelo publico do Ozzfest: "Eu estava cagando de medo", ri o 'Metal God'. "Eu passei por aquele show por um triz. Graças a Deus pelo teleprompter. Quando a Sharon me ligou, ela disse 'Você vai entrar (no palco) em três horas.'".

(Sharon e Halford ao telefone)

'- Robby...'

'- Oi Sharon.'

'- Como vai?'

'- Eu estou ótimo'


"Eu pensei comigo mesma, oh, lá vamos nós."
'- Ozzy está com problemas na voz e não está se sentindo muito bem. Você poderia nos ajudar?'
"Eu sabia o que ela ia pedir - eu disse 'O que você quer que eu faça?'"
'- Você poderia substitui-lo?'

'- Bem, eu tenho que conversar com o restante da banda antes - Glenn (Tipton), KK (Downing), Scott (Travis) e Ian (Hill). Se todos acharem que tudo bem, eu farei isso.
Quando você quer que eu faça?'

'- Esta noite''

'- O que!?'
"Isso era cerca de cinco da tarde e o show do Sabbath seria às dez da noite."
'- Ah vamos Sharon, é muita coisa...'

'- Oh, você é um grande fã do Sabbath. Conhece todas as musicas. Você já fez isso antes.'
"Sim em Costa Mesa - qualquer que tenha sido o ano, pensei comigo."
'- Você pode fazer isso.'

'- Você pode me enviar um vídeo do show de ontem à noite?'
"Então, eu assisti isso literalmente no ônibus de turnê, do hotel até o local do show, cantando a-cappella com o Ozzy. Eu fiz isso no máximo uma vez. Fiz o show do (Judas) Priest. Eu estava me limpando e trocando de roupa e então o Zakk Wylde entra com tudo e começa a falar: 'Isso vai ser demais, manda ver! Eu estou com você, irmão!'
'- Zakk, eu preciso de uns cinco minutos de sossego aqui.'
"Eu adoro o Zakk - ele é fantástico, mas... Então eu sai e encontrei o Tony Iommi dentro dessa área separada com cortinas pretas."
'- Você está bem Rob?'

'- Sim, eu acho que estou. O que vai acontecer?

'- O Bill (Ward) vai lá (no palco) e lerá um bilhete'

' - Essa é a coisa certa a se fazer?'
"Nós deixamos o Bill fazer a parte dele - ele tinha um bilhete do Ozzy dizendo. "Eu estou realmente doente... eu não vou poder me apresentar hoje à noite."
"(e o público) 'Booooooooo'"
"O Bill continuou lendo a nota do Ozzy -'Então meu colega, que conheço há anos vai ajudar o Sabbath hoje à noite. Rob Halford....'"
"(novamente o público) 'Boooooooo'"
'- Porra Tony, eu vou ser expulso do palco!'

'- Você vai ficar bem, não se preocupe com isso.'
"E eu 'ohhh merda' "


Ozzy é virtualmente insubstituível e Halford concorda. "Eu teria me sentido da mesma maneira."

E seguramente Dio se sentiu do mesmo modo… "Sim, mas eu penso que o lance do HEAVEN AND HELL é brilhante. É fantástico que exista o Black Sabbath com o Ronnie Dio,'The Dio years'. Se você é um fã do Black Sabbath, você quer ver o Ozzy. Se você vai ver o Judas, você quer ver o Rob. E isso não é nenhum desrespeito com o Tim (Ripper Owens). eu adoro o Tim. Sem o Tim tudo teria parado. A banda continuou e eu sempre serei grato ao Tim por fazer isso. Mas essa é a mentalidade dos fãs. Você quer ver o lance real."


Voltando ao show de Camden, Halford recorda: "Então quando eu fui para o palco e comecei a primeira música do Sabbath, um pouco de cuspe me acertou e uma garrafa passou zumbindo perto da minha cabeça. Eu pensei,'Puta merda, será que eu vou conseguir terminar a primeira música antes sofrer um nocaute aqui?' Mas conforme foi indo, o publico foi ótimo. Eles entenderam. O que mais você pode fazer? Ou você vai ver algo, ou não vai ver nada. Então eu achei que o publico foi absolutamente fantástico. Foi um pedaço da história do Rock/Metal, não foi? Bastante imprevisto e inesperado. Depois disso meu corpo ficou agitado por dias. O Judas é a minha primeira banda e sempre será. Isso foi só algo excitante de se fazer".








Quer saber mais do Heavy Metal? Mande sua mensagem para @rodrigollmagno

Fonte: http://whiplash.net/

Um comentário:

  1. Anônimo21:34

    muito boa essa história, gostei de blog, vou voltar por aqui... abraços!

    ResponderExcluir

Se é Arte, é Categóricos!